Rotas do Pinhão

UM MUNDO DE OPÇÕES E O PINHÃO COMO ANFITRIÃO

Que tal viajar pelo mundo dentro do Paraná? Isso é possível visitando a região Rotas do Pinhão. O lugar, que compreende Curitiba e grande parte da Região Metropolitana, tem forte influência da imigração europeia, principalmente polonesa, ucraniana, italiana e alemã. Traços distintivos das culturas mineira, paulista e do tropeirismo também ajudam a formar um caleidoscópio de sotaques, sabores e tradições.

A convivência harmônica entre o ritmo frenético da metrópole e o bucolismo das áreas rurais é um atrativo à parte e oferece inúmeras opções de turismo, do cultural ao de aventura, do religioso ao rural.

E a culinária? É tanta comida boa, de tantas partes do mundo, que fica difícil escolher o que pedir ou manter a dieta. São muitas opções! Algumas delas temperadas com o sabor inconfundível de um dos maiores patrimônios gastronômicos do Paraná – o pinhão.
 


 

Painel “Gralha Azul” (Hannermann de Campos), Praça do Asilo São Vicente de Paulo, Curitiba - Foto: Banco de Imagens

 

O QUE FAZER

TURISMO DE NEGÓCIOS E EVENTOS

Principal centro urbano do Paraná e contando com a maior cidade do Sul do país, Curitiba, a região oferece espaços e estruturas para receber grande público em inúmeros eventos de porte nacional e internacional.
 

ECOTURISMO

A região Rotas do Pinhão tem muita natureza para você aproveitar! Conheça de perto toda a riqueza e beleza da fauna e flora locais visitando o Parque Manancial, de Balsa Nova, e o Parque Ecológico Ouro Fino, em Campo Largo. Em Curitiba, não perca os espetáculos naturais proporcionados pelas cores do Jardim Botânico e pelo pôr do sol do Parque Tanguá.

Para completar o roteiro, visite o Parque Estadual do Monge, na Lapa, e o Parque das Ciências, em Pinhais.
 

Campo de Camomila - Foto: Alex de Paula / Pref. de Mandirituba

 

TURISMO RURAL

Referência em turismo rural, a região oferece inúmeras opções pra quem quer sossego, ar puro e muita comida boa. É o caso da Área Rural 1, de Piraquara, que tem vista para a Serra do Mar; das vinícolas de Quatro Barras; e do Caminho do Vinho, em São José dos Pinhais.
 

Área Rural 1, Piraquara - Foto: Bruno Oliveira / Pref. de Piraquara
                  

 

TURISMO DE AVENTURA

São muitos os cenários de aventura nas Rotas do Pinhão.

Integrante do Parque Estadual do Marumbi, o Morro do Canal, em Piraquara, é ideal para a prática de rapel e escalada em rochas. Já o Morro do Anhangava, em Quatro Barras, é um ótimo ponto para o voo livre.

Mas se o seu negócio é caminhadas e trilhas, o destino certo é Campo Magro.

 

 

 

TURISMO CULTURAL

Os amantes das artes, da cultura e de história estão muito bem servidos! Em Curitiba, dentre muitas atrações, não deixe de visitar o Museu Oscar Niemeyer e a Ópera de Arame, que misturam manifestações artísticas e culturais com arquitetura notável. Para se aproximar mais do passado do nosso estado, percorra a Trilha do Ouro, em Campo Magro, e o trecho da Estrada da Graciosa que fica em Quatro Barras.

A lista é extensa e conta ainda com o Seminário Seráfico e o artesanato em palha de milho, de Rio Negro; o Museu de Arte de Tijucas do Sul; e toda a riqueza histórica e cultural da Lapa.
 

Ópera de Arame, Curitiba - Foto: Orlando Kissner

 

TURISMO RELIGIOSO

A região Rotas do Pinhão apresenta grande riqueza religiosa. A fé se manifesta em celebrações, festejos e, principalmente, templos e monumentos que também se destacam pela beleza arquitetônica. Conheça os mosaicos em forma de vitrais da Igreja de Nossa Senhora das Dores, de Tijucas do Sul; o Mosteiro do Encontro, em Mandirituba; o Mosteiro Trapista, em Campo do Tenente; e a Gruta do Monge, na Lapa.

                  
Parque Barigui, Curitiba - Foto: Banco de Imagens

 

 

COMO CHEGAR

A região Rotas do Pinhão é acessível por algumas das principais rodovias federais do país, como BR-116, BR-277, BR-376 e BR-476. Ela está circunscrita à Região Metropolitana de Curitiba. Da rodoferroviária da capital, partem linhas comercias de ônibus que servem a todo país. Já o Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, realiza voos nacionais e internacionais.

ONDE FICAR

A mistura entre o ambiente urbano da capital e os ares do campo de muitas cidades da Região Metropolitana proporcionou um setor hoteleiro diversificado. O visitante pode escolher entre hotéis famosos e de alto padrão, acomodações simples e aconchegantes, pousadas rurais, hotéis-fazenda, além de flats, spas e áreas de camping.

 

 

Tijucas do Sul - Foto: Depto. de Turismo de Tijucas do Sul | Foto: Acervo Paraná Turismo

 

 

GASTRONOMIA

Na gastronomia, a semente que dá nome à região está na base de deliciosas receitas, como o entrevero de pinhão e a moqueca de tilápia com pinhão.

A imigração europeia também deixou uma herança para a culinária da região. Tem pratos típicos italianos, alemães, poloneses e ucranianos e toda a diversidade da comida tropeira.

 

 

 

Parque Municipal da Uva, Colombo - Foto: Marcio Fausto / Pref. de Colombo